Edição 305 | Abril/17

Home/ Revista/ Edição 305


Clique para ver a versão impressa [+]
03/05/2017 15:09

Bela em todas as fases

Conheça os melhores tratamentos e cuidados para todas as idades

Divulgação
Divulgação
Será que aos 20 anos é muito cedo para se preocupar com os cuidados da pele? Aos 30 anos é preciso usar creme anti-idade para combater as rugas? Essas são apenas algumas das dúvidas que surgem com o avanço da idade.
Quem deseja amenizar os efeitos do tempo deve começar os cuidados com a pele o mais cedo possível. “O ideal é iniciar ainda na adolescência, com o uso diário do protetor solar e higienização da pele. A partir dos 20 anos, é possível acrescentar alguns ativos e tratamentos estéticos que devem mudar em cada fase da vida”, explica a esteticista do fit body pilates spa & estética, Bruna Caetano.
Confira quais tratamentos podem ser feitos a partir dos 20 anos de idade:

Aos 20 anos:
Nesta idade, a pele sofre pouco com os sinais do tempo. Mas se não manter os cuidados diários é possível que, aos poucos, ela comece a registrar as marcas de expressão. “É importante manter um ritual de limpeza, lavar o rosto pela manhã para remover a oleosidade, retirar os resíduos acumulados ao longo do dia e aplicar o protetor solar”, sugere Bruna. Se a sua pele já apresenta manchas e cicatrizes de acne, os tratamentos indicados são o Peeling de Diamante, limpeza de pele e máscaras hidratantes.
A limpeza de pele irá agir na remoção de cravos, impurezas e também o milum – pequenos cistos que provocam acúmulo de óleo e pele nos poros. Já o Peeling de Diamante diminui a oleosidade, clareia as manchas e melhora a acne. “Esse tratamento é caracterizado por uma microdermoabrasão superficial utilizando uma ponteira de diamante para promover uma esfoliação”, detalha.

Aos 30 anos:
As rugas de preocupação estão à mostra e já é possível notar algumas marcas de expressão. É nessa fase que a pele começa a perder elasticidade, colágeno e hidratação natural. A boa notícia é que dá para evitar seguindo alguns cuidados. “A luz pulsada é um sistema não-ablativo que remove manchas e vasos ao mesmo tempo em que estimula a renovação do colágeno. Pode ser usada na face, no dorso das mãos, nas olheiras e no lábio superior, minimizando-as”, afirma a esteticista.

Aos 40 anos:
Diversos problemas cutâneos começam a surgir. Nesta fase, as linhas de expressão passam a ganhar mais espaço no rosto, assim como a implacável flacidez. Para auxiliar na luta contra esses sinais, o que não faltam são tratamentos estéticos capazes de combater as rugas existentes, prevenir o surgimento de outras e dar mais firmeza e hidratação à pele do rosto.
O preenchimento facial com o ácido hialurônico é muito indicado nessa fase. Esta é uma substância já existente na pele, mas que, com o tempo, vai sendo reduzida. Por conta disso, a pele fica caída. Além de corrigir as rugas, o procedimento promove a reposição de volume da face.
Já a Toxina Botulínica tem a função de causar o relaxamento dos músculos para que eles não se mexam e, assim, não marquem a pele. “Toda vez que fazemos um movimento com a face, como sorrir ou franzir a testa, contraímos a musculatura, e a pele acaba enrugando”, afirma a dermatologista Miriam Sabino. Segundo a especialista, é importante saber dosar a quantidade de substância injetada para que o músculo fique relaxado, e não paralisado.

Aos  50 anos em diante…
As rugas e linhas de expressão estão bem visíveis, as manchas são aparentes e a pele perdeu sua definição e o contorno facial devido à queda dos hormônios. O pescoço também sofre com o envelhecimento e apresenta ressecamento e flacidez.
Para reverter à flacidez, a radiofrequência Hooke com frequência de 27,12 MHZ promove estimulação de colágeno e elastina deixando a pele firme com resultados na primeira sessão. A radiofrequência é um tratamento consagrado baseado na emissão de ondas eletromagnéticas, que promovem o aquecimento superficial e profundo da pele, elevando a uma temperatura em torno de 42o. O calor causa um estímulo da produção de fibras colágenas e elásticas, bem como provoca um aumento da circulação sanguínea e, dessa forma, trata e previne a flacidez.
A Luz Pulsada Lyra age no tratamento de manchas e vasos, e consiste em um tipo de luz que tem afinidade com pigmentos. “Com a idade, a pele tem uma alteração pigmentar, principalmente relacionada ao sol, e fica manchada. Há também o aumento de vasinhos, sobretudo em pessoas de pele clara”, esclarece a dermatologista. O laser que emite a luz pulsada destrói os vasos e o pigmento das manchas, além de estimular uma discreta produção de colágeno.
Divulgação